29 de jul de 2015

Planos de aula - 2015 - Semana:(21.ª) 03 a 07 DE AGO

 - Instituto Adventista Cruzeiro do Sul
Endereço: Av. Sebastião Amoretti, 2130-a - Cruzeiro do Sul, Taquara - RS, 95600-000 - Telefone:(51) 3541-6800
Planos de aula - 2015
Escola: IACS
Semana:(21.ª)
03 a 07 DE AGO
Professor: Elemar Gomes

ANO: SEXTO - CONTEÚDOS
Turma: 61
Disciplina: PORTUGUÊS
  Ø  
(  )ADVÉRBIOS E LOCUÇÕES ADVERBIAIS. P.100 – 102.1-6;
  Ø   (  )LEITURA DO TEXTO: “MEXA-SE!” P.103. 1-3;
  Ø   (  )PRODUÇÃO TEXTUAL. P.104/105;
  Ø   (  )PRONOMES PESSOAIS/POSSESSIVOS E TRATAMENTO. P.105/108;
  Ø   (  )LEITURA: “UMA JUVENTUDE SAUDÁVEL – P. 108 e 109. 1-3;
  Ø   (  )TONICIDADE E ACENTUAÇÃO. P. 110 – 112. 1-6;
 Ø  
(  ) LEITURA DO LIVRO PARADIDÁTICO: “BEM CARSON” ATÉ 28/08 – PESO: 3,0;
6
PERÍODOS
OBJETIVOS: - Tarefa de casa: Escrever uma pequena história ou poema usando onomatopeias.
- Participação nas atividades escritas e orais.
- Produção textual: poema ilustrado.
* Os alunos serão avaliados nas atividades de:
•Leitura silenciosa e oral.
•Debate e discussão sobre o tema proposto.
•Participação oral.
•Realização das atividades propostas no livro.
•Realização dos exercícios de fixação.
•Participação oral na correção das atividades.
Produção textual individual.

ANO: SÉTIMO - CONTEÚDOS
Turmas:
71, 72 e 73
Disciplina: PORTUGUÊS
  Ø    (  )LEITURA E ANÁLISE DO TEXTO: “COMPRAR SEM PROBLEMA, PROBLEMA NO COMPRAR”. P.92 e 93. COMPREENSÃO DO TEXTO: 1- 7. P.93/94;
  Ø   (  )ESTUDO DO VOCABULÁRIO. P.94;
  Ø   (  )LEITURA EXPRESSIVA. P.95
  Ø  
(  )LEITURA CRÍTICA. P. 95;
  Ø   (  )PRODUÇÃO TEXTUAL: ENTREVISTA – P.95 – 1-5;
  Ø   (  ) ESTUDO SOBRE: FRASE E ORAÇÃO. P.96-100;
  Ø   (  )LEITURA DO LIVRO PARADIDÁTICO: “DESCOBERTA NA AMÉRICA” ATÉ 28/08 – PESO: 3,0;
6
PERÍODOS
Serão avaliados confome a estrega das pesquisas, leituras  e produção de textos solicitados.
- Avaliar a produção do desenho, do texto e da apresentação em classe.

ANO: OITAVO - CONTEÚDOS
Turma: 83
Disciplina: PORTUGUÊS

  Ø   (  ) “MÚSICA EM TODOS OS TEMPOS” –P.110 - LEITURA ;
  Ø   (  ) COMPREENSÃO DO TEXTO. P.111 e 112. 1-3;
  Ø  
(  ) ESTUDO VOCABULAR; LEITURA CRÍTICA E LEITURA COMPARATIVA. P.112 – 114. EXERCÍCIOS
  Ø   (  )06 E 07/08 – ENSAIO DO TEATRO: ROMEU E JULIETA;
  Ø   (  )PRODUÇÃO TEXTUAL: FRASES CÉLEBRES – FAMOSAS INSERIDAS NO TEXTO.
  Ø   (   )TEATRO: ROMEU E JULIETA. APRESENTAÇÃO NO DIA: 13 E 14/08/2015;
  Ø   (  )LEITURA DO LIVRO PARADIDÁTICO: “AMORES QUE MATAM” ATÉ 28/08 – PESO: 3,0.
6
PERÍODOS
OBJETIVOS: * Os alunos serão avaliados nas atividades de:
Leitura silenciosa e oral.
Debate e discussão sobre o tema proposto.
Participação oral.
Realização das atividades propostas no livro.
Realização dos exercícios de fixação.



13 de jul de 2015

ENTRE OS LIVROS E O CINEMA

O que é melhor: o livro original ou a adaptação para o cinema?

 | Opinião
Cenas eternizadas do filme Psicose (1960). | Imagens de divulgação: © 1960 Paramount / mptvimages.com
As adaptações cinematográficas sempre foram alvos da revolta de fãs dos livros que as precederam. Há quem diga que um filme nunca irá superar a qualidade de uma obra literária. Um título em que senti esse desapontamento foi a versão cinematográfica de O Caçador de Pipas, livro sobre o qual já comentei aqui no blog. Fiquei com a impressão de que o caráter do protagonista mudou muito e empobreceu a obra. Então, saí pensando que deveria ser porque filmes não superam livros.
Para pesquisar o tema, voltei às décadas de 1950 e 1960 e revisitei a obra do grande cineasta Alfred Hitchcock (1899-1980), que produziu várias adaptações. A mais famosa se tornou o clássico Psicose (1960), baseado no livro homônimo de Robert Bloch (1917-1994). O cineasta acreditava que livros medianos podiam dar belíssimos filmes, enquanto obras-primas se tornavam filmes medíocres.
O livro de Robert Bloch deu origem ao filme mais famoso de Alfred Hitchcock. | Capa e pôster originais em inglês.
O livro de Robert Bloch (à esq.) deu origem ao filme mais famoso de Alfred Hitchcock. | Reprodução de capa e pôster originais em inglês.
Certa vez, em entrevista ao diretor francês François Truffaut, ele comentou sobre a impossibilidade de se adaptar obras como Crime e Castigo, do russo Fiódor Dostoiévski. “Jamais a deformaria. Não compreendo como alguém pode se apoderar da obra de outro que demorou anos e anos para escrevê-la e que é toda a sua vida”, afirmou, defendendo que um filme sério sobre tal livro deveria ter pelo menos 6 horas de duração! Apesar do exagero, penso que Hitchcock está correto ao enfatizar que não é possível comparar as obras nas duas linguagens.
Eu me lembro de que, quando ainda estagiava na antiga revista BRAVO!, dedicada à cultura, tive a oportunidade de conversar com o jornalista de cinema Rodrigo Salem. Foi ele quem me apontou que um filme não é a “materialização” de um livro e, sim, uma nova obra que toma como base o texto escrito. Concordo com ele.
Mas por que as pessoas têm essa sensação de que um é melhor do que o outro?
Rubens Rewald, professor de roteiro em audiovisual da Universidade de São Paulo (USP), diz: “Provavelmente esse julgamento tem a ver com a relação anterior que o indivíduo estabeleceu com o livro”. Para Rewald, a tendência é de que as pessoas gostem mais da primeira obra com a qual tiveram contato – seja um livro ou um filme. Seria uma dificuldade que nós leitores e espectadores temos de nos desvencilhar da ideia da história que formamos originalmente em nossa cabeça.
E, você, acredita que os livros são melhores que as adaptações? Quais experiências você já teve? Conte pra gente aqui nos comentários.
Até mais!
Anna Rachel
FONTE:http://revistaescola.abril.com.br/blogs/leitura/o-que-e-melhor-o-livro-original-ou-a-adaptacao-para-o-cinema/

8 de jul de 2015

POR QUE ESTUDAR PORTUGUÊS

Português
9
MOTIVOS PARA ESTUDAR PORTUGUÊS

1. Ensina a se expressar bem
Só estudando Português e treinando (muito) a leitura e a escrita que o seu filho vai aprender a usar a língua da forma correta, tanto oralmente como ao escrever.
E você sabe: falar e escrever certo é essencial para conseguir passar em vestibulares, concursos e conseguis bons empregos. Ou seja, já é um grande passo rumo a um futuro brilhante!

2. Estimula o gosto pela leitura
Além de melhorar a escrita, a leitura é um excelente meio de adquirir cultura e até um ótimo passatempo. Passatempo? Sim, é isso mesmo! Só quem já leu um grande romance, daqueles que a gente não consegue largar antes do fim, sabe como ler é um ato prazeroso.

3. Aumenta o repertório
Quem sabe interpretar é capaz de ler qualquer tipo de texto e, com isso, adquirir cultura e aumentar o seu próprio repertório em qualquer assunto. Se o seu filho se interessa por astronomia, por exemplo, vai ser muito mais fácil ler e pesquisar sobre o assunto se ele estiver plenamente alfabetizado e se souber interpretar textos.

4. Evita que "internetés" saia da internet
É inevitável. Ao usar a internet seu filho terá contato com o "internetês" e suas abreviaturas (você = vc, beleza = blz) e versões de palavras (aqui = aki). É preciso considerar o "internetês" como a linguagem utilizada nos meios eletrônicos. Não force para que ele "corrija" o que escreve neste ambiente. No entanto, o "internetês" deve mesmo ficar restrito à internet, ambiente em que é aceitável. Fora do computador, é preciso que seu filho saiba escrever corretamente - e só um bom professor de Português é capaz de ensinar isso a ele.

5. É essencial para estar bem informado
Hoje saber o que acontece na nossa cidade, no nosso país e no mundo é essencial para compreendermos a realidade em que vivemos. Portanto, estar bem informado é imprescindível quando se vai a uma entrevista de emprego, por exemplo. E é a capacidade de ler e interpretar textos que nos proporciona isso. E não estamos falando apenas de leitura! Para entender uma explicação sobre os conflitos no Oriente Médio em um documentário na televisão também é essencial entender a nossa língua!

6. É a sétima língua mais falada no mundo
Fala-se muito que aprender inglês e espanhol é essencial para os estudos e o trabalho hoje em dia. E ninguém discorda disso, já que ambos estão entre as cinco línguas mais faladas da Terra (a mais falada é o mandarim, no entanto). Mas o que muita gente não sabe é que o português é a sétima língua mais falada no mundo, sendo idioma oficial de mais seis países além de Brasil e Portugal.
São eles: Moçambique, Angola, Cabo Verde, Timor Leste, Guiné-Bissau e São Tomé e Príncipe. Um bom motivo para aprender - e bem - a nossa língua, não?

7. É a base para a compreensão das outras disciplinas
Saber Português é essencial para aprender Matemática. Achou estranho? Pois pare para pensar: como o seu filho vai entender as explicações do livro de Matemática se não estiver plenamente alfabetizado? O mesmo acontece com Ciências, História, Geografia... Por isso, o Português é a base de toda a vida escolar.

8. Desenvolve a imaginação
Quem lê uma história de ficção automaticamente está usando a imaginação, afinal é impossível ler a descrição de uma praia, por exemplo, sem imaginá-la. E isso ocorre não só com crianças. Adultos imaginam o tempo inteiro quando estão lendo, muitas vezes sem nem perceber. Então, para incentivar o seu filho a usar a imaginação e torná-lo uma criança mais criativa, nada melhor que uma boa leitura!

9. Treina a coordenação motora
Aprender a escrever é uma atividade que, além de desenvolver o raciocínio, treina a coordenação motora das crianças, já que elas aprendem a "desenhar" letra por letra e depois a juntá-las, para assim formar palavras e textos. Estudar a Língua Portuguesa é, portanto, importante também para desenvolver as habilidades manuais das crianças.

PROFESSOR: ELEMAR GOMES

Eclesiastes 1:13

E apliquei o meu coração a esquadrinhar, e a informar-me com sabedoria de tudo quanto sucede debaixo do céu; esta enfadonha ocupação deu Deus aos filhos dos homens, para nela os exercitar.