10 de mai de 2015

TURMA: 83

 



 
A polissemia acontece quando uma palavra apresenta vários sentidos diferentes, mas que remetem a um mesmo conceito
Compreender o significado das palavras é indispensável para entender o funcionamento da língua portuguesa. Em nosso idioma, a ciência que se ocupa em desvendar significados e interpretar palavras e expressões é a Semântica. Quando conhecemos bem as palavras e temos um vocabulário razoável, escrever um texto fica muito mais fácil, pois temos à nossa disposição uma variedade de vocábulos que podem ser selecionados de acordo com a pertinência do momento.
Na língua portuguesa, o significado das palavras leva em consideração a:
Sinonímia: Relação entre duas palavras ou mais que apresentam significados iguais ou semelhantes;
Antonímia: Relação entre duas palavras ou mais que apresentam significados diferentes, ou seja, contrários;
Homonímia: Relação entre duas ou mais palavras que possuem a mesma estrutura fonológica, mas apresentam significados diferentes.
Entre os fenômenos linguísticos relacionados à homonímia, está a polissemia, ocorrência curiosa que nos prova o quanto o nosso idioma é peculiar. Mas você sabe o que épolissemia?
A palavra “polissemia”, do grego polysemos (poli = muitos, sema = significados), significa “algo que tem muitos significados”. Sendo assim, polissemia é a propriedade que uma palavra tem de apresentar vários sentidos. Observe os exemplos:
1- O compositor escreveu a letra da canção para seu filho.
2- A letra “H” é a oitava em nosso alfabeto.
3- Sua letra é muito bonita!
Você notou que nas três orações a palavra “letra” está presente? Em cada uma delas o vocábulo é utilizado com diferentes acepções: na primeira oração, letra refere-se ao texto que acompanha uma música; na segunda oração, letra refere-se ao sinal gráfico do alfabeto; e, na terceira oração, letra refere-se à forma que se dá à letra escrita. A palavra “letra” possui diferentes significados, mas remete para o mesmo conceito: o da escrita.
A Semântica é a área da Linguística que estuda o significado das palavras. Na polissemia, eles podem ser múltiplos
Observe mais um exemplo de polissemia:
1- A mãe vela pelo sono do filho doente.
2- O barco à vela foi movido pelo vento.
3- Quando acabou a luz, a menina acendeu uma vela.
A palavra “vela” é polissêmica porque pode apresentar vários sentidos de acordo com o contexto em que é empregada. Na primeira oração, a palavra vela é uma conjugação doverbo velar, ou seja, ficar em vigília ou sentinela; na segunda oração, vela refere-se ao pano resistente que é preso aos mastros das embarcações para fazê-las andar; e, na terceira oração, vela refere-se à peça de cera com um pavio no centro que serve para dar luz.
É importante ressaltar que a polissemia não deve ser confundida com a homonímia, fenômeno da semântica que estuda duas ou mais palavras com origens e significados distintos, mas que apresentam a mesma grafia e a mesma fonologia.

Eclesiastes 1:13

E apliquei o meu coração a esquadrinhar, e a informar-me com sabedoria de tudo quanto sucede debaixo do céu; esta enfadonha ocupação deu Deus aos filhos dos homens, para nela os exercitar.